7 orientações para organização das férias dos seus funcionários

Chegamos ao final de ano e é nessa época que muitos funcionários desejam tirar as tão sonhadas férias. E a preferência por este período se dá, na maioria dos casos, por conta das férias escolares ou mesmo do cônjuge.  

Mas e como organizar para que os funcionários tirem férias sem atrapalhar a produtividade da equipe e causar prejuízos a empresa?

Reunimos aqui 7 orientações para ajudar nessa organização. Confira:

1 – Dentro da lei

De acordo com as leis trabalhistas, todo colaborador tem direito as férias a partir do 13º mês de empresa e que não se pode ter férias vencidas por mais de dois anos seguidos.

O lado positivo é que com a reforma trabalhista é permitido negociar com o colaborador os dias de férias. O que significa poder parcelar em até três vezes esse descanso, com um período mínimo de 14 dias, sendo que os outros dois não podem ser menores do que 5 dias.

2. Sazonalidade

É justamente no final de ano que muitas empresas veem crescer seus faturamentos e tem a necessidade de contratar mais funcionários. Inclusive, a depender do setor é quando aqueles que recebem comissão por vendas mais faturam.

Portanto é importante deixar claro para a equipe que nesse e até em outros períodos quanto menor o número de pessoas de férias melhor para todos. Então, nada mais justo que deixar para gozar o descanso um pouco mais a frente.

Caso seja necessário conceder as férias, o gestor deve já se organizar para contratar trabalhadores temporários para a substituição.

3- Substitutos e mais colaboradores

Quando a empresa opta por colocar um substituto que já faz parte do quadro de colaboradores é preciso lembrar da importância do treinamento com antecedência.

Uma opção é preparar mais funcionários do mesmo setor para exercem a função, assim tem-se mais garantias do andamento do trabalho.

E, a depender do caso, a melhor solução é contratar mais pessoal. Destacando novamente que no caso de um novo colaborador é preciso fazer esse recrutamento previamente a fim de prepará-lo para o cargo.

4 – Política interna

Dentro dos pilares da empresa, a comunicação interna com os colaboradores é de extrema importância, a fim de se evitar informações desencontradas.

Ao adotar uma cartilha com as principais informações da política interna da empresa melhora-se a comunicação e gera confiança e respeito por parte da equipe. Isso vale, inclusive para a questão das férias.

Dentro dessa cartilha recomenda-se incluir as orientações sobre o prazo para a solicitação de ausência ao longo do ano. Há empresas que adotam um calendário com o período de férias dos colaboradores.

Isso permite a empresa avaliar os pedidos e como trabalhar para não perderem prazos e negócios. A depender da área de atuação é possível até mesmo um recesso com férias coletivas. Tudo vai depender da organização conjunta entre empresa e colaboradores.

5 – Finanças

Com um cronograma alinhado a empresa consegue prever as despesas referentes às férias dos funcionários.

Se em determinados períodos, a exemplo do final de ano, houver um maior número de colaboradores de férias, deve-se planejar financeiramente para os pagamentos e também para a contratação de mão de obra temporária.

6 – Recrutamento

E já que falamos em mão de obra temporária é importante salientar a necessidade do recrutamento e seleção o quanto antes. Além da busca de profissionais mais preparados, os selecionados ainda passarão um período de adaptação e treinamento.

7 – Acordo

Essa premissa faz o equilíbrio entre o desejo dos colaboradores de descansarem e as necessidades da empresa. O que se espera é manter a equipe empenhada, com produtividade e mostrar que as pessoas são ouvidas na companhia.

Gostou desse artigo? Então aproveite que ainda dá tempo de organizar as férias de final e início de ano dos seus colaboradores. E já sabe: se precisar mais profissionais preparados para atender as suas demandas, fale conosco!

Curtiu o Post? Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Você também pode curtir esses posts: